PRÉMIO BIAL distingue trabalho sobre doenças do envelhecimento e neurodesenvolvimento - Página 6 de 6 - Médicos de Portugal

A carregar...

PRÉMIO BIAL distingue trabalho sobre doenças do envelhecimento e neurodesenvolvimento

7 Maio, 2009 0

 [Continua na página seguinte]

PREMIO BIAL já distinguiu mais de 80 trabalhos de investigação

Considerado um dos prémios de investigação científica de maior prestígio na área da Saúde em toda a Europa, o PREMIO BIAL compreende duas categorias: o ‘Grande PREMIO BIAL de Medicina’, no valor de 150 mil euros, que este ano recebeu 22 candidaturas, e o ‘PREMIO BIAL de Medicina

Clínica’, no valor de 50 mil euros, que atraiu 14 candidatos. Além dos dois prémios, são entregues três menções honrosas no valor de 5 mil euros. A edição de 2008 do PREMIO BIAL recebeu 36 candidaturas, 26 de Portugal, sete de Espanha, dois do Brasil e um do Chipre.

O júri da edição de 2008 do PREMIO BIAL foi presidido pelo Prof. João Lobo Antunes, professor catedrático na Faculdade de Medicina de Lisboa, Director do Serviço de Neurocirurgia do Hospital de Santa Maria, Presidente do Instituto de Medicina Molecular e Presidente da Academia Portuguesa de Medicina.

O PREMIO BIAL foi instituído em 1994 pela Fundação Bial e visa distinguir e divulgar trabalhos de grande repercussão na área da investigação médica. Desde a sua instituição o PREMIO BIAL já analisou 455 obras candidatas e mobilizou 970 investigadores, médicos e cientistas. Em treze edições, este galardão distinguiu 199 autores (82 obras premiadas). Como resultado de 25 anos comprometidos com a investigação foram editadas e distribuídas gratuitamente pela classe médica e científica 30 obras premiadas.

Páginas: 1 2 3 4 5 6

ÁREA RESERVADA

|

Destina-se aos profissionais de saúde

Informações de Saúde

Siga-nos

Copyright 2017 Médicos de Portugal por digital connection. Todos os direitos reservados.