Hemorragia nasal: Mãe, estou a deitar sangue do nariz! - Médicos de Portugal

A carregar...

Hemorragia nasal: Mãe, estou a deitar sangue do nariz!

23 Novembro, 2014 0

As hemorragias nasais são comuns nas crianças. É certo que geram desconforto, mas geralmente parecem pior do que são na realidade. De tão frágeis, acabam por romper com facilidade, e como estes delicados vasos sanguíneos transportam o nosso líquido mais precioso, é pelo nariz que é expelido.

Muitas vezes, sem razão aparente, as crianças sangram pelo nariz no meio de uma qualquer diabrura. Os pais são assolados pela ansiedade e os mais pequenos assustam-se com o pigmento vermelho que escorre pelas narinas.

Este tipo de hemorragia nasal é muito comum nas crianças e, apesar de desconfortável, deve ser encarada sem grandes sustos.

Tudo se deve à anatomia do nariz, cujo interior é revestido por pequenos vasos sanguíneos que ajudam a manter quente e húmido o ar que respiramos. Esses vasos são muito frágeis e superficiais, rompendo com alguma facilidade.

Com menor frequência, o rompimento pode envolver os vasos localizados na região posterior do nariz, o que pode resultar de uma tensão arterial elevada e da aterosclerose. Daí que este tipo de hemorragias surja com o aumento da idade. Nas crianças, as causas da hemorragia nasal são mais acidentais e prendem–se, na maioria das vezes, com agressões a que o nariz é sujeito: coçar com força no interior, introduzir pequenos objectos, assoar constante, constipações e alergias e ar demasiado seco. Naturalmente, uma queda também pode fazer o nariz sangrar.

Ainda que na esmagadora maioria das vezes as hemorragias nasais nas crianças não sejam graves, convém que sejam contidas. O que fazer, então? Simples. Sentar a criança inclinada para a frente sem excessos: há que manter a cabeça sempre acima da linha do coração. De modo a estancar a perda de sangue, apertar o dorso do nariz, mesmo por baixo do osso, utilizando o polegar e o indicador, até que a hemorragia cesse, normalmente num período de cinco a dez minutos. Se não resultar, voltar a insistir e colocar uma compressa fria ou gelo no nariz, uma vez que o frio diminui o afluxo de sangue a essa área. Nunca se deve inclinar a cabeça para trás, porque o sangue escoará pela garganta, o que pode fazer com que a criança se engasgue ou vomite.

Estancada a hemorragia, evitar assoar ou inclinar muito a cabeça.

www.anf.pt

ÁREA RESERVADA

|

Destina-se aos profissionais de saúde

Informações de Saúde

Siga-nos

Copyright 2017 Médicos de Portugal por digital connection. Todos os direitos reservados.