Bronzeado: Bonita e saudável - Médicos de Portugal

A carregar...

Bronzeado: Bonita e saudável

1 Julho, 2014 0

É assim que se deseja a pele no Verão. E para quem gosta de um tom bronzeado, o objectivo é que seja agradável à vista mas saudável, sem presença de queimaduras e sinais de envelhecimento prematuro.

Tempos houve em que se fazia o elogio da pele branca como símbolo de beleza e até riqueza, mas os tempos mudaram e o tom bronzeado passou a sinónimo de Verão e de férias. Ao mesmo tempo, porém, aumenta a percepção dos riscos de uma exposição excessiva e desprotegida aos raios solares, na medida em que são bem conhecidas as suas consequências sobre a saúde da pele. Do envelhecimento prematuro ao cancro cutâneo, são riscos que fazem redobrar os cuidados na hora da exposição solar. Todavia, é possível conquistar um tom bronzeado sem uma exposição solar excessiva, com a ajuda de constituintes naturais de plantas – trata-se dos carotenóides, responsáveis pela cor viva de frutos e legumes.

A explicação dos benefícios destes constituintes é dada por um estudo publicado por cientistas escoceses envolvendo pessoas que, durante seis semanas, consumiram carotenóides através de frutas e legumes: ao fim desse tempo, verificou-se que a pele apresentava uma pigmentação mais acentuada e um brilho mais intenso. O que os cientistas concluíram foi que os carotenóides têm na pele humana um efeito muito semelhante ao que têm nos frutos e legumes.

Outras teorias explicam que os carotenóides – beta-caroteno, luteína e astaxantina – podem aumentar a produção de melanina. A melanina é a substância responsável pela pigmentação da pele, funcionando como um filtro que protege das radiações solares. Quando a pele é exposta à radiação solar, há aumento da produção de melanina como forma de defesa: é assim que a pele vai ficando morena.

Os carotenóides, associados ao poder antioxidante da vitamina E, têm ainda a vantagem de proteger a pele contra os radicais livres, ou seja, ajudam a eliminar as moléculas nocivas que são geradas na pele como resposta à exposição solar, prevenindo assim o envelhecimento precoce.

Estes benefícios podem ser obtidos naturalmente através da alimentação, mas seria preciso comer muitas cenouras…

Não é, porém, necessário, já que a investigação colocou à disposição uma solução prática e eficaz, para complementar a alimentação saudável, que se apresenta sob a forma de cápsulas ou comprimidos, disponíveis em farmácias e com a mais-valia do aconselhamento farmacêutico.

É, pois, possível conseguir aquele tom bronzeado tão desejado por muitos,  mas com segurança, obtendo uma pele bonita e saudável.

Tempos houve em que se fazia o elogio da pele branca como símbolo de beleza e até riqueza, mas os tempos mudaram e o tom bronzeado passou a sinónimo de Verão e de férias. Ao mesmo tempo, porém, aumenta a percepção dos riscos de uma exposição excessiva e desprotegida aos raios solares, na medida em que são bem conhecidas as suas consequências sobre a saúde da pele. Do envelhecimento prematuro ao cancro cutâneo, são riscos que fazem redobrar os cuidados na hora da exposição solar. Todavia, é possível conquistar um tom bronzeado sem uma exposição solar excessiva, com a ajuda de constituintes naturais de plantas – trata-se dos carotenóides, responsáveis pela cor viva de frutos e legumes.

Páginas: 1 2

ÁREA RESERVADA

|

Destina-se aos profissionais de saúde

Informações de Saúde

Siga-nos

Copyright 2017 Médicos de Portugal por digital connection. Todos os direitos reservados.