O leite no combate à osteoporose - Médicos de Portugal

A carregar...

O leite no combate à osteoporose

27 Outubro, 2008 0

Os ossos passam por um processo de constante remodelação, ao longo de toda a vida. O equilíbrio entre a desmineralização (degradação do tecido ósseo velho) e remineralização (deposição de tecido ósseo novo) altera-se à medida que a idade avança, tendendo para um maior enfraquecimento. A nutricionista Centro de Nutrição e Alimentação Mimosa (CNAM), Fernanda Cruz, ajuda-o a perceber de que forma o leite se assume como um forte aliado para ossos fortes e saudáveis, em todas as etapas da vida.

O que é o cálcio e quais as suas funções no organismo?

O cálcio é o mineral mais abundante no corpo humano. Mais de 90% do cálcio presente no nosso organismo encontra-se nos ossos e dentes; o restante encontra-se nas células e em circulação no sangue. Para além de fazer parte da estrutura dos ossos, o cálcio é necessário para a contracção muscular, transmissão nervosa e coagulação sanguínea. Se não ingerirmos cálcio em quantidades suficientes, o organismo recorre às reservas de cálcio nos ossos para a manutenção das suas funções.

Qual a importância do leite?

O leite é um alimento de elevada densidade nutricional, pois aporta uma grande variedade de nutrientes importantes para o bom funcionamento do nosso organismo. A sua composição nutricional distingue-se de todos os outros alimentos. Por isso, ao leite e seus derivados pertence uma fatia importante da Roda dos Alimentos: 18% da nossa alimentação diária. Vários estudos assinalam que a ingestão de leite e outros produtos lácteos aumenta a densidade nutricional e a qualidade da alimentação.

Como é composto o leite?

O leite é rico em proteínas de alto valor biológico, que nos oferecem todos os aminoácidos essenciais, em vitaminas A, B2 e B12. É, ainda, uma excelente fonte de minerais, como o cálcio, fósforo, potássio e zinco. O leite e produtos lácteos são os maiores fornecedores de cálcio na nossa alimentação, porque as porções habituais de consumo contêm elevado teor de cálcio, relativamente a outros alimentos (ex.: vegetais de folha verde escura, leguminosas, frutos secos) e, por outro lado, o cálcio proveniente dos alimentos lácteos é bem absorvido pelo nosso organismo.

Quais as razões que provocam a perda de massa óssea?

A perda de massa óssea está relacionada com vários factores. Entre os principais factores contam-se a idade, um estilo de vida sedentário e uma alimentação pobre em cálcio e vitamina D. A alimentação é um dos principais factores que influenciam o desenvolvimento de osteoporose. O consumo excessivo de álcool e cafeína são promotores do desequilíbrio a favor da perda de massa óssea, por isso, há que evitar exageros.

De que forma o cálcio ajuda a prevenir a osteoporose?

A ingestão de cálcio é um factor importante na formação de ossos saudáveis. O cálcio que o nosso corpo necessita só pode ser obtido através da alimentação. Se ingerimos cálcio suficiente, contribuímos para a remineralização dos ossos e, ao mesmo tempo, contrariamos a necessidade de gastar as reservas de cálcio dos ossos para outras funções no organismo.

Páginas: 1 2 3

ÁREA RESERVADA

|

Destina-se aos profissionais de saúde

Informações de Saúde

Siga-nos

Copyright 2017 Médicos de Portugal por digital connection. Todos os direitos reservados.