Gaguez: Desafiar as palavras - Página 3 de 3 - Médicos de Portugal

A carregar...

Gaguez: Desafiar as palavras

1 Setembro, 2014 0

O importante é identificar esta perturbação da fala o mais cedo possível, de modo a afectar ao mínimo o bem-estar do indivíduo. Porque o que está em causa é, acima de tudo, a auto-estima da criança ou do adulto.

[Continua na página seguinte]

Tipos de gaguez

A repetição de uma sílaba no início da frase ou uma repetição compulsiva de sílabas que ficam presas caracteriza a gaguez “clónica”. Já as pausas no discurso para facilitar a articulação da palavra, ditando um discurso “aos tropeções”, são típicas da gaguez “tónica”. A gaguez pode ser ainda classificada como mista quando ocorrem episódios de repetição e bloqueios (clónica e tónica), e pode ser acompanhada de movimentos como piscar os olhos, tiques e tremores.

 

E as crianças?

Entre os 2 e os 6 anos, quando começa a utilizar a linguagem como instrumento privilegiado de comunicação, a criança pode atrapalhar-se com as palavras, o que pode desencadear a ansiedade.

Com o desenvolvimento da linguagem, podem surgir alguns episódios de gaguez, mas transitórios. As crianças também têm tendência para repetir frases inteiras, o que não deve ser confundido com gaguez.

O apoio da família é essencial e deve, acima de tudo:

– Evitar aumentar a ansiedade, falando calmamente, sem pressões.

– Mostrar disponibilidade para ouvir as histórias que a criança tem para contar, valorizando-as.

– Resistir à tentação de a interromper, de a ajudar a completar as frases.

– Enriquecer o vocabulário da criança, através da leitura de uma história ao deitar.

– Evitar a exposição a situações complicadas, que provoquem ansiedade, mas sem mergulhar numa hiper-protecção.

– Fazer jogos, incluindo canções e versos. A criança gaga reage muito bem a tudo o que é entoado com ritmo.

 

Para suavizar o problema

A terapia da fala pode ser útil para conquistar uma linguagem mais fluida. Por sua vez, as técnicas de relaxamento podem ajudar o indivíduo a aprender a relaxar em situações de maior ansiedade.

Páginas: 1 2 3

ÁREA RESERVADA

|

Destina-se aos profissionais de saúde

Informações de Saúde

Siga-nos

Copyright 2017 Médicos de Portugal por digital connection. Todos os direitos reservados.