Higiene íntima – Cuidar de si sem tabus - Médicos de Portugal

A carregar...

Higiene íntima – Cuidar de si sem tabus

24 Abril, 2014 0

A higiene é um tema que ocupa grande parte da nossa rotina diária. Nas mulheres, deve haver uma atenção redobrada no que diz respeito à higiene íntima, pois a zona genital feminina é muito sensível e, com as alterações hormonais que surgem ao longo da vida, é necessária uma higiene e cuidados específicos.

A mucosa da vulva está em contacto com secreções da vagina, urina, menstruação e suor, bem como com numerosas substâncias originárias de tecidos, toalhas de produtos de limpeza, espermicidas e medicamentos.

O equilíbrio natural da sua zona íntima é sustentado por um balanceado, porém frágil, ecossistema. Uma zona vaginal saudável possui vastas colónias de bactérias (lactobacilos) produtoras de ácido láctico. O ácido láctico estabelece na zona íntima um ambiente ligeiramente ácido, com um pH entre 3,8 e 4,5. Ao longo da vida da mulher, devido ao ciclo menstrual, gravidez e menopausa, a flora vaginal sofre alterações. Estas alterações no equilíbrio interno são normais, mas podem, indiretamente, favorecer a colonização por agentes patogénicos.

Devido a estes fatores, é necessário dar a devida atenção e cuidar desta área tão delicada do corpo.

UMA BOA HIGIENE ÍNTIMA

O mais importante é realizar uma higiene íntima diária adequada e com os geles íntimos específicos, que respeitam o pH natural.

Os geles de banho corporais, normalmente, não são adequados para a zona vaginal, pois podem provocar irritações ou infeções.

Além disso, em estados como a menopausa, a gravidez ou a menstruação, deve dar-se uma especial atenção à manutenção do pH vaginal, uma vez que as alterações hormonais alteram o pH, o que favorece o aparecimento de infeções.

É preferível usar água mais fria do que água quente, e colocar de parte as esponjas de banho. Após realizar a higiene, seque-se muito bem, uma vez que as bactérias e os germes que causam as infecções vaginais se desenvolvem melhor em condições de calor e de humidade.

[CONTNUA NA PÁGINA SEGUINTE]

8 MOMENTOS EM QUE A HIGIENE ÍNTIMA DEVE SER REFORÇADA, DIARIAMENTE, COM UM PRODUTO ADEQUADO

›› Durante a menstruação

›› Durante a gravidez

›› No pós-parto, especialmente no puerpério, que é o período de 6-8 semanas após o parto

›› Na menopausa

›› Durante tratamentos ginecológicos e outros tratamentos médicos (por exemplo, a toma de antibióticos que afetam a nossa flora vaginal)

›› Se existe incontinência urinária

›› Após fazer desporto ou se existe excesso de suor

›› Antes e depois de ter tido relações sexuais

FARMÁCIA SAÚDE – ANF

www.anf.pt

ÁREA RESERVADA

|

Destina-se aos profissionais de saúde

Informações de Saúde

Siga-nos

Copyright 2017 Médicos de Portugal por digital connection. Todos os direitos reservados.