Sexo: A primeira vez - Médicos de Portugal

A carregar...

Sexo: A primeira vez

28 Novembro, 2013 0

A “melhor altura”: Não há “a melhor altura” para a primeira relação sexual. A “melhor altura” não é igual para todos, para umas pessoas pode ser mais cedo, para outras pode ser mais tarde. Só tu sabes e sentes quando chega “o momento”. Mas, atenção às pressões, elas não são verdadeiras razões!

Boas razões para ter relações sexuais

Vocês sentem-se preparados, os dois e desejam os dois fazer amor.

Mas esta boa razão não invalida que se lhe acrescentem algumas outras:

– Tens uma pessoa por quem estás apaixonada e com quem te sentes bem;

– Estás bem informada/o sobre a contracepção, as infecções transmissíveis sexualmente e a SIDA;

– Tu e o teu/tua namorado/a puderam discutir e decidir como é que se vão proteger.

Aprender a dizer não

Ninguém te deve forçar a ter relações quando não o desejas. Talvez, ao princípio, sintas desejo, mas depois já não. Toda a gente tem direito a mudar de ideias. Estás no teu direito de recusar. Dizer não! Não é fácil, sobretudo se estás apaixonada /o e tens medo de perder aquela pessoa especial. Mas, é melhor aprender a dizer não, que ceder a pressões e aceitar algo que não desejas.

Tenta falar abertamente, sem te refugiares em pretextos. Se quem está contigo não é capaz de te ouvir, de te compreender e de aceitar as tuas necessidades, talvez não valha a pena perder tempo com uma história que te vai desagradar cada vez mais.

 

Algumas dicas

Aprendam a falar sobre aquilo que gostam e não gostam. O outro não pode adivinhar.

Descubram em conjunto o que vos dá prazer. Vão ensaiando, progressivamente, e estejam atentos às vossas sensações.
É normal ter medo e estar tenso. Dêem a vocês próprios tempo para relaxar.

Não entrem na ansiedade de querer “funcionar” da maneira perfeita.

Pensem na contracepção mesmo antes da primeira vez, e protejam-se das doenças transmissíveis sexualmente.

Não fiquem decepcionados se as coisas não correrem facilmente. Isso acontece muito frequentemente.
Levem o tempo necessário. Claro, pode acontecer que seja tudo muito rápido ou podem precisar de tempo para encontrar a intimidade e o estilo próprio.

APF- Associação para o Planeamento da Família

www.apf.pt

ÁREA RESERVADA

|

Destina-se aos profissionais de saúde

Informações de Saúde

Siga-nos

Copyright 2017 Médicos de Portugal por digital connection. Todos os direitos reservados.