Depilação: Coisas de mulher? - Médicos de Portugal

A carregar...

Depilação: Coisas de mulher?

28 Junho, 2014 0

Os pêlos são desde sempre indesejáveis. Apesar de os cuidados de beleza merecerem cada vez mais atenção por parte das mulheres, este é um problema que também já começa a preocupar os homens.

A quantidade de pêlos varia consoante o tecido hormonal de cada pessoa.

E a sua aceitação também varia de país para país. Em alguns países da Europa, os pêlos são sinónimo de erotismo e charme, coisa que não acontece em Portugal. Os pêlos, na maioria dos casos, não são atraentes e as mulheres sabem que uma pele limpa e macia pode ser o suficiente para conquistar as atenções masculinas. E, hoje em dia, cada vez mais, também os homens recorrem à depilação.

São vários os métodos de depilação utilizados nos centros de estética ou mesmo em casa. Em seguida, apresentamos-lhe alguns desses “milagrosos” métodos para deixar a pele macia como seda.

Cremes depilatórios

É ainda um método muito utilizado, sobretudo nas pernas, com uma eficácia que pode variar entre dois e três dias. Para quem é sensível à dor, os cremes depilatórios podem ser positivos, pois são compostos por substâncias químicas que amolecem a camada que envolve os pêlos, facilitando a sua remoção.

Lâminas

Era a fórmula mais utilizada até há algum tempo atrás, pois é uma opção rápida e que, se utilizada correctamente, não provoca dor. A raspagem deve ser feita no sentido do crescimento dos pêlos e com a ajuda da espuma ou de gel próprios. Tal como acontece na barba masculina, a raspagem provoca o ressurgimento dos pêlos, alguns dias mais tarde, e com muito mais força. É, ainda assim, indicado para as pernas, virilhas e axilas, com um resultado prático de dois a quatro dias. Atenção, porém, aos cortes.

Cera quente

As mulheres que têm pêlos grossos e fartos podem utilizá-la, porque ela garante algumas “tréguas” durante cerca de um mês. A temperatura da cera provoca a dilatação dos poros, facilitando a remoção dos pêlos.

Cera fria

É mais doloroso que o método anterior, porque, dada a temperatura da cera, é incapaz de dilatar os poros, tornando o exercício mais complicado. É feita à base de glicose, resina e goma-arábica e arrancada com a ajuda de papel. Facilita ainda o aparecimento de pêlos encravados e impurezas.

[Continua na página seguinte]

Roll-on

É um sistema eficaz para cerca de 20 a 30 dias, com base em aparelhos de depilação com cera morna. Aquecem a cera em 20 minutos e a aplicação é feita no sentido inverso do crescimento, com a ajuda de bandas de papel ou pano.

Luva depilatória

Eis outro método rápido, com duração limitada a, no máximo, três dias. Trata-se de uma lixa de papel com partículas de quartzo, causando um atrito que provoca erosão no pêlo. Deve ser usada acompanhada de creme hidratante, deixando a pele lisa e pura.

Laser

A maior novidade na área da depilação feminina surgiu há alguns anos atrás nos Estados Unidos da América. Trata-se de um aparelho a laser, ideal para quem deseja ficar livre destas preocupações por um longo período de tempo e deverá ser realizada em gabinetes de estética especializados.

Páginas: 1 2 3

ÁREA RESERVADA

|

Destina-se aos profissionais de saúde

Informações de Saúde

Siga-nos

Copyright 2017 Médicos de Portugal por digital connection. Todos os direitos reservados.