ESPECIALISTAS NACIONAIS E INTERNACIONAIS DEBATEM PROBLEMA NO PRIMEIRO CONGRESSO PORTUGUÊS DE CANCRO DO PULMÃO - Médicos de Portugal

A carregar...

ESPECIALISTAS NACIONAIS E INTERNACIONAIS DEBATEM PROBLEMA NO PRIMEIRO CONGRESSO PORTUGUÊS DE CANCRO DO PULMÃO

13 Outubro, 2005 0

Nos dias 14 e 15 de Outubro realiza-se, no Hotel Meridian, em Lisboa, o Primeiro Congresso Português do Cancro do Pulmão. Promovido pelo Grupo de Estudos do Cancro do Pulmão, o evento reúne os principais especialistas nacionais e internacionais nesta matéria.

Discutir e trocar experiências sobre epidemiologia, diagnóstico e tratamento do cancro do pulmão são os principais objectivos deste congresso.

De acordo com dados do Cancer Research UK, na UE e no Mundo o cancro do pulmão é a causa mais comum de mortes por cancro, com 18 por cento do total de mortes causadas por esta doença. Na UE, em 2000, 1 em cada 5 mortes por cancro deve-se ao cancro do pulmão especificamente.

Quanto a novos casos diagnosticados, o cancro do pulmão é o terceiro da lista na UE com 243.600, logo após o do intestino/ colorectal (258.000) e o da mama (244.600).

O cancro, na sua generalidade, é a maior causa de morbilidade na UE com cerca de 1.9 milhões de novos casos diagnosticados em 2000. Só em Portugal, no mesmo ano, surgiram 36,099 novos casos.

Aproximadamente 1 em 4 mortes na UE é devida ao cancro, o que prefaz mais de 1 milhão de mortes devido ao cancro todos os anos.

Discutir e trocar experiências sobre epidemiologia, diagnóstico e tratamento do cancro do pulmão são os principais objectivos deste congresso.

De acordo com dados do Cancer Research UK, na UE e no Mundo o cancro do pulmão é a causa mais comum de mortes por cancro, com 18 por cento do total de mortes causadas por esta doença. Na UE, em 2000, 1 em cada 5 mortes por cancro deve-se ao cancro do pulmão especificamente.

Quanto a novos casos diagnosticados, o cancro do pulmão é o terceiro da lista na UE com 243.600, logo após o do intestino/ colorectal (258.000) e o da mama (244.600).

O cancro, na sua generalidade, é a maior causa de morbilidade na UE com cerca de 1.9 milhões de novos casos diagnosticados em 2000. Só em Portugal, no mesmo ano, surgiram 36,099 novos casos.

Aproximadamente 1 em 4 mortes na UE é devida ao cancro, o que prefaz mais de 1 milhão de mortes devido ao cancro todos os anos.

ÁREA RESERVADA

|

Destina-se aos profissionais de saúde

Informações de Saúde

Siga-nos

Copyright 2017 Médicos de Portugal por digital connection. Todos os direitos reservados.