Um recém-chegado pergunta? - Médicos de Portugal

A carregar...

Um recém-chegado pergunta?

30 Março, 2006 0

Esta informação pretende ajudar as pessoas que vão aos Alcoólicos Anónimos (AA) pela primeira vez. Aqui tentamos responder às perguntas que ocorrem com mais frequência aos recém-chegados, as mesmas dúvidas que nós tínhamos quando chegámos aos Alcoólicos Anónimos.

Serei eu um alcoólico?

Se você repetidamente bebe mais do que pretende ou quer, se arranja problemas ou se tem lapsos de memória quando bebe, você pode ser um alcoólico. Só você pode decidir. Ninguém em AA lhe vai responder se é ou se não é.

O que é que posso fazer, se estiver preocupado com a minha maneira de beber?
Procure ajuda – Os Alcoólicos Anónimos podem ajudar.

O que são os Alcoólicos Anónimos?

Nós somos uma Comunidade de homens e mulheres que perderam a capacidade de controlar a sua maneira de beber e que, devido a isso, se encontraram envolvidos em toda a espécie de problemas. Tentamos, a maior parte de nós, com um razoável êxito, criar uma maneira satisfatória de viver sem álcool. Para isso, precisamos da ajuda e apoio de outros alcoólicos em AA.

Se eu for a uma reunião, isso obriga-me a qualquer coisa?

Não. AA não tem ficheiros dos seus membros, nem faz um registo de presenças. Não precisa de divulgar nada a seu respeito. Ninguém o vai incomodar, se você não quiser voltar.

O que é que acontece se encontrar pessoas conhecidas em AA?

Elas estarão lá pela mesma razão que você. Elas não vão revelar a sua identidade a pessoas de fora. Em AA tem-se o anonimato que se quiser. É esta uma das razões porque nos chamamos Alcoólicos Anónimos.

O que é que acontece numa reunião de AA?

Uma reunião de AA pode ser conduzida de várias maneiras mas, em qualquer reunião, você vai encontrar alcoólicos a falar sobre a influência que o álcool teve nas suas vidas e personalidades; o que fizeram para lidar com isto e como vivem actualmente.

Como é que isto me pode ajudar no problema que tenho com a bebida?

Nós, em AA, sabemos bem o que significa sermos dependentes do álcool e sermos incapazes de cumprir as promessas que fizemos aos outros e a nós próprios de que iríamos parar de beber. Não somos terapeutas profissionais; a nossa única qualificação que temos para ajudar os outros a se recuperarem do alcoolismo é a nossa própria recuperação, mas bebedores com problemas que nos procuram sabem que a recuperação é possível, porque vêm exemplos de pessoas recuperadas.

Porque é que continua a ir a reuniões depois de estar curado?

Nós, em AA, acreditamos que não existe tal coisa como a “cura”” para o alcoolismo. Nunca podemos voltar a beber normalmente e a nossa capacidade para nos mantermos afastados do álcool depende da manutenção da nossa saúde física

mental e espiritual. Podemos conseguir isto

indo regularmente às reuniões e pondo em prática o que aí aprendemos. Além disso

achamos que é bom para a nossa sobriedade ajudar outros alcoólicos.

ÁREA RESERVADA

|

Destina-se aos profissionais de saúde

Informações de Saúde

Siga-nos

Copyright 2017 Médicos de Portugal por digital connection. Todos os direitos reservados.